Depressão Pablo Villaça
Depressão – Por Pablo Villaça
27/12/2017
presença da ausência
A presença da ausência
12/01/2018
Pós Natal e Ano Novo - Nomoblidis

Nosso Pós Natal e Ano Novo

O meu Natal até que foi tranquilo, triste, cheio de recordações mas foi parecido com uma almoço normal de domingo, onde costumo almoçar com meus pais, só que com mais pessoas, mais comidas e a mesa de doces, essa sim me fez lembrar com tristeza da Marina.

Eu fiz boa parte dos doces, como todos os anos, mas resolvi fazer na casa dos meus pais, não iria conseguir preparar em minha casa e não fiz os doces que ela mais gostava.

Mas a pior parte foi o pós Natal, Marina sempre gostou de ver a família reunida e ter nossa família junta e sem ela, me cortou o coração, mas consegui me segurar para não sair correndo e me esconder de todo mundo, chorava quando chegava em casa, o choro de certa forma me alivia.

Dia 28/12 fomos ao litoral, mas choveu tanto que tivemos que retornar no dia seguinte. Uma das grandes vontades dela era  conseguir convencer meus pais de irem à praia, algo que ela só viu uma vez na vida e que ela sempre desejou ver novamente, mas não conseguiu. Mas foi gratificante, algumas vezes me dava um nó na garganta  mas eu me segurava. Eu só ficava imaginando as gargalhadas dela ao ver os meus sobrinhos, tocando bateria,  brincando na sala, jogando bola com meu pai e minha mãe e eu, Joseval, meus irmãos e minhas cunhadas jogando UNO.

Assim como na noite de Natal, a virada do ano eu passei dormindo, sabia que não me faria bem estar no meio de muitas pessoas,  só acordei pela manhã como em um dia comum.

2017, foi com certeza um ano muito difícil, poderia dizer que o pior de toda minha existência, mas eu ainda não consegui fazer um balanço, isso estou planejando fazer em outra ocasião.

Espero que em 2018 eu consiga prosseguir com o meu objetivo de levar informações sobre depressão e suicídio à mais pessoas no intuito de ajudar aos que como eu, ficaram sem chão e sem rumo devido a morte de um ente querido por suicídio.

Eu e Joseval, enviamos aos amigos uma mensagem contendo a oração da Serenidade,  pois ela vale para todos os momentos da vida e neste 2018 que se inicia, que a serenidade, coragem e sabedoria  façam parte de nossas vidas como nunca.

Oração da Serenidade

 

2 Comments

  1. Neusa B.MENDES disse:

    olá , boa tarde!
    FAZ APENAS 29 DIAS QUE ESTOU SEM MINHA IRMÃ , AMIGA E PARCEIRA .
    JOANA D’ARC NOS DEIXOU , LEVOU COM ELA PARTE DO MEU CORAÇÃO, NÃO
    VEJO SENTIDO E NÃO ENCONTRO RESPOSTA PARA ENTENDER O PORQUE DE
    TUDO ISSO.ELA ERA UMA PESSOA FELIZ COM SEUS SONHOS REALIZADOS .
    PROFESSORA AMADA POR SEU ALUNOS, AMADA POR SEUS FAMILIARES .
    ENFIM ESPERO UM DIA ENCONTRAR A RESPOSTA DE TUDO ISSO.
    PARA QUE VENHA ENCONTRAR PAZ E DESCANSO EM MEU CORAÇÃO

    • Terezinha C. G. Maximo disse:

      Neusa, sinto muito por sua perda. O luto por suicídio nos deixa dilacerados a procura de respostas que não serão respondidas, com dúvidas se agimos bem o não com o nosso ente querido.
      Mas tenha certeza de que a paz está na forma como ela foi amada e querida por todos os familiares, como você menciona. Não deixe que a forma como ela se foi apague as lembranças lindas que ela deixou.
      Um forte abraço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *